FBM - Federacao Baiana de Motociclismo , motos, motocicletas, regularidade, motocross, cross country, quadriciclos, enduro, motovelocidade

Notícias
IMAGE
 
Enduro do Axé 2010 - Dois dias de Carnaval Off Road na Bahia!

(Por Vinícius Eça, 24 de dezembro de 2010) Alegria! Festa! Não é por acaso que a Bahia é “a terra da felicidade”. Que o baiano é um povo naturalmente festivo e alegre, todos nós sabemos. Mas quem não está acostumado com o dia-a-dia na Bahia até estranha quando chega por aqui. E no último final de semana, durante o Enduro do Axé 2010, muita gente pôde viver momentos de grande alegria, numa grande festa organizada pelo Salvador Trail Clube (STC), regada com muita trilha, adrenalina, poeira e ronco de motor.
O Enduro do Axé 2010 foi um grande desafio para o STC. A última prova do ano, por si só, já possui uma grande carga de responsabilidade, mas em 2010 tudo foi maior. Além da final do Campeonato Baiano, a Axé também recebeu a final do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade, e como se isso não bastasse, quase todas as categorias dos dois campeonatos estavam indefinidas! Responsabilidade demais para os baianos? Não! Jamais subestime a “terra da felicidade”, todos que vêm à Bahia se encantam, e foi isso mesmo que aconteceu. A forma como o Enduro do Axé foi organizado em Salvador, com atenção a todos os detalhes, qualidade técnica das trilhas, navegação, logística de apoio, estrutura dos locais de largada e chegada, hotéis, festa de premiação, além do clima e do enorme carisma dos organizadores – grandes anfitriões – tudo isso gerou uma comoção de alegria em todos que participaram desse evento.
Quando chegamos ao Hotel Catussaba, na sexta-feira (19), a maioria dos pilotos estava na área da piscina, local em que a organização realizava as últimas inscrições e onde mais tarde aconteceriam o briefing e o sorteio da ordem de largada da prova. O momento era de total descontração, com brincadeiras entre amigos que se encontram todos os meses para praticar o esporte que mais fantástico do mundo. Na verdade a ansiedade da competição estava bem longe dali, apesar de eu ter conhecimento de alguns pilotos que não conseguiram dormir direito!
No sábado (20) pela manhã, o primeiro dia de prova, a adrenalina invadiu de vez a corrente sanguínea dos pilotos e a minha também, afinal seria a primeira vez cobrindo a prova de moto, navegando junto com os pilotos e sentindo na pele toda a emoção das trilhas. As minhas emoções começaram cedo, saí com os “abre trilhas” e logo no início levei um tombo e, como estava atrás, acabei me separando do grupo. Nada grave já que estava com um TOTEM Colosso e apesar de nunca ter usado o equipamento, uma aula de 30 segundos do meu amigo Ladislau foi suficiente para poder navegar tranquilamente.
No primeiro ponto de fotos encontramos a Categoria Master na “Subida do Sobrancelha”, uma matinha com uma subida sinuosa por dentro da vala, ideal para aquecer os braços dos pilotos das categorias principais. Já no final da manhã, uma passagem de riacho surpreendeu alguns pilotos. Uma pedra escorregadia direcionava os menos atentos para uma lama extremamente grudenta, parecia cola! O dia terminou com um “docinho” oferecido pelos organizadores, a “Cocadinha Baiana” era um trecho de pedras grandes e escorregadias por dentro de uma represa, “cocada é doce, mais né mole não...”
O domingo (21) começou mais cedo, a primeira moto (Dário Júlio), largou às 07:30, o objetivo dos organizadores era voltar mais cedo para o hotel e dar tempo para que os pilotos aproveitassem um pouco da hospitalidade baiana. Mas para isso todos deveriam ter sucesso nos desafios do dia. E começamos bem, com o organizador Zé Bundinha, que nos conduziu para a “Subida da Babilônia”, um laço, no qual apenas pilotos das categorias Master e Sênior tiveram a chance de se “divertirem”, uma decida no pasto, seguida de uma subida não tão íngreme, mas cheia de valas, o grande desafio do trecho.
Na sequência fomos para a “Montanha Russa” uma sequência de subidas e decidas bem radicais em uma região totalmente descampada – tivemos visão privilegiada! Antes de irmos para o Neutro, passamos pela “Trilha do Capivara” e ajudamos alguns pilotos Novatos presos num atoleiro. Na parte da tarde conseguimos encontrar o pessoal da Master e Sênior no “Balaio do Carrasco” e curtir um pouco de pilotagem de alto nível. No mesmo local presenciamos alguns pilotos engolirem algumas entradas e perderem PC’s importantes. Encerramos o dia passando pela praia e em seguida nas tão temidas e desejadas dunas. Apesar do sufoco, foi muito bom ter acompanhado o grande Zé Bundinha nesse dia – o cara conhece tudo dessas trilhas e é uma simpatia de pessoa!!
Chegamos ao hotel por volta das 15:00 H, e a organização já estava anunciando que as fichas de passagem iriam ser entregues em poucos minutos (Santo Rastro!). O resultado estava programado para ser entregue às 17:00 H, um pouco de atraso foi providencial e ninguém se queixou, tudo estava muito bem animado por uma banda de rock local. A festa de premiação começou com a entrega de troféus para a prova, em seguida para o Campeonato Baiano e na sequência para o Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade, que agora tem um Hexacampeão, o piloto Sandro Hoffmann.
No Campeonato Baiano 2010, Caio “Cabrito” conquistou o seu 4º título e agora é Tetra! Edutrilha, de Jacobina, faturou a Sênior e promete brigar forte na Master; Na Over 40, deu Wlad “Panda”, piloto de Barreiras; A Executivo foi vencida por Van, que reverteu uma situação difícil e também levou o título estadual; Edilton “Muqueca” foi o vencedor na Júnior e Fabrício “Zói” levou a Novatos. O Campeonato Baiano de Enduro de Regularidade entra em recesso até o dia 19 de fevereiro, quando terá início o Campeonato 2011, na Ilha de Itaparica!!!

 

Patrocínio
O Campeonato Baiano de Enduro de Regularidade 2010 foi patrocinado pela Moto Clube Honda, Princesa Off Road e Zaitec.
O Enduro do Axé 2010 foi patrocinado por: AUDIO R, NOVA SCHIN, INDAIÁ, BELO MÓVEIS, BONNO VEÍCULOS, HIDROREPELL, MOBIL, LOJA DO LAP TOP.

Campeões do Enduro do Axé 2010:
Master – Dário Júlio (Lavras-MG); Sênior – Breno Felner (Vitória-ES); Over 40 – Aloísio Sfalsim (Aracruz-ES); Executivo – Vanderley Barreto (Feira de Santana-BA); Júnior – Felipe de Deus (Vitória-ES); Novatos – Gil Martinelli (Nanuque-ES).

De punho no canto…
- O pessoal do STC está de parabéns pela prova. “O melhor final de semana da minha vida!” disse o piloto Aloísio Sfalsim, Campeão da Over 40;
- Parabéns ao pessoal de Jacobina por terem comparecidos em peso , em todas as provas do Baiano de Enduro;

Veja como ficou o Campeonato Baiano 2010:
* CLIQUE AQUI! Para ver o resultado completo da prova!!
(http://www.fbm.esp.br/pdf/Rank_TODAS.pdf)

Veja mais notícias sobre o Enduro Extreme 2010 em:
Itabuna Off Road - http://itabunaoffroad.com/
Portal Pró Motohttp://www.revistapro.com.br/ Incentivamos a sua participação nessa coluna, dê a sua opinião enviando e-mail para o colunista (vinicius.eca@gmail.com) ou para a FBM (fbm.presidente@yahoo.com.br).

CONFIRA O BLOG E SIGA O COLUNISTA NO TWITTER:
http://twitter.com/viniciuseca
http://itabunaoffroad.com/

Vinícius Eça é trilheiro, blogueiro, videomaker amador, entusiasta do enduro de regularidade e esportes a motor. Especialista em marketing, atualmente desenvolve pesquisas acadêmicas em mídia esportiva.



Federação Bahiana de Motociclismo
Av Flaviano Guimarães, 1038  Bairro Escurinha - Itaberaba Ba - Cep 46880.000 ? telefone 71-3251-1672